Bioimpedância.

Bioimpedância ou Bioelétrica tetrapolar é um moderno método de análise da Composição Corporal.

A Bioimpedância ou Bioelétrica tetrapolar consegue quantificar de maneira efetiva a massa de gordura, massa magra ou muscular, água corporal total, massa livre de gordura, taxa de metabolismo basal e outros.

O exame é indicado tanto para pessoas que apresentam sobrepeso, obesidade quanto para aqueles que simplesmente desejam melhorar sua composição corporal emagrecendo e ganhando massa muscular e melhorar a performance ou iniciar os exercícios físicos.

O exame também auxilia na avaliação nutricional de pacientes com doenças que comprometem a estrutura corporal e a nutrição. Como, por exemplo, em pacientes com desidratação ou pacientes submetidos a diálise ou pacientes com grandes retenções de líquidos como nas doenças renais, cardíacas ou do fígado.

Portadores de marca-passo, ou de outros aparelhos eletrônicos equivalentes, como pinos, e gestantes não devem realizar o exame.

Quem tem placas metálicas em braços e pernas (exceto se for apenas de um lado) também não devem realizar o exame, pois as placas podem alterar o resultado.

Em meu consultório utilizo o sistema inBody 230 para realizar este exame. Este é atualmente, um dos equipamentos mais avançados na tecnologia de bioimpedância.

Em certa de 30 segundos já se pode ter um informação completa sobre a condição corporal do indivíduo, bem como de qual seria sua condição ideal.

O exame é computadorizado e é aprovado pela OMS – Organização Mundial da Saúde.

Este aparelho une a praticidade com a eficiência e pode realizar exames em adultos e crianças. Além disto, ao final do exame o resultado sugere um plano de exercícios físicos, com os seus diferentes gastos energéticos.

Este exame permite diferenciar a retenção de líquido do verdadeiro sobrepeso ou obesidade.

Se você tem interesse neste exame, entre em contato conosco e saiba como realizá-lo.